Vivência de Natal

No ultimo dia 8 de Dezembro, tivemos a nossa vivência de Natal!

Era algo novo, diferente que estávamos criando, e como tudo que é novo, nos dava um friozinho na barriga! Estávamos “namorando”o projeto a algum tempo, mas ele não nasceu pronto. De uma idéia surgia outra, de uma pesquisa descobríamos mais informações e assim fomos montando tudo.

Quando começamos a divulgar também não sabíamos quem viria, e se de fato atrairíamos pessoas, mas para a nossa grata surpresa, as inscrições vieram em peso, e pudemos contar com 37 pessoas! e infelizmente tivemos que recusar algumas inscrições!

Chegou o grande dia:

Fomos dançando, montando o presépio, dançando e conversando! logo todos estavam na mesma sintonia e participando de cada momento da vivência!

Todo o dia foi elaborado, sobre o advento, isto é as quatro semanas que antecedem o natal, o período de preparação para o nascimento de Jesus. e assim vivemos o dia!

A tradição do advento, o presépio também é montado em 4 etapas: mundo mineral, mundo vegetal, mundo animal, mundo Humano e somente na noite de natal Jesus é colocado na manjedoura: ele nasceu!!!
Presepiopresépio
presépio

E assim passamos o dia, entrando neste período de advento, com danças que simbolizam estes mundos, reflexões, textos e claro, todos levaram para casa a sua guirlanda de natal, feita ali.

dança

dança

guirlanda

dança

Foi sem dúvida um dia especial!

a todos que participaram deste dia o nosso muito obrigado, sem a participação de vocês, este dia não teria sido o sucesso que foi!

a todos um feliz Natal!

Curso em Tapira

No dia 18 de Novembro fomos para a cidade de Tapira fazer um workshop, a pedido da Terra Viva!

Workshop em Tapira
Foi um workshop com danças voltadas para crianças e jovens; participaram deste workshop cerca de 25 pessoas!

Workshop em Tapira

Foi um dia muito abradável, mas o mais agradável foi ver o interesse deste grupo, juntamente com a Terra Viva de iniciar lá um trabalho voluntário, onde será dado, entre outras atividades lúdoeducativas, danças para crianças e jovens carentes!

Workshop em Tapira

Para nós poder participar desta iniciativa, nos enche de orgulho!

Nós realizamos um sonho em Santa Cruz das Palmeiras!

Nos dias 1 e 2 de fevereiro nós realizamos um sonho!

A dança Viva foi convidada para dar um curso de capacitação e formação para professores da rede pública de Santa Cruz das Palmeiras!

Este sonho começou a se realizar através de um grande serviço de uma ONG chamado Núcleo Fermento e Sal que atua a mais de 10 anos na região de Casa Branca, Itobi, Santa Cruz das Palmeiras, tambaú, Vargem Grande do Sul, etc. Esta ONG procurou sempre ser um pouquinho de fermento e Sal no desenvolvimento social e graças a esta rede também sentimos que era hora de começar a dar cursos de danças ali.

Desde o começo do ano de 2006 começamos a dar cursos de danças, no Sítio A Boa Terra e com a rede de contatos em pleno funcionamento, a presença de professores da região nestes cursos era constante, e assim começamos a sonhar em dar uma vez um curso em cada cidade. A primeira experiência que nós tivemos no dia 20 de julho de 2.006 foi um curso para professores e pessoas ligadas a escola familia da cidade de Itobi, feito no Sítio A Boa Terra e patrocinada pela Terra Viva. Ouvindo e lendo as avaliações cresceu a certeza que este tipo de curso deveria ser dado na própria cidade e com o envolvimento de todos que lidam com educação e formação das nossas crianças.
A pergunta era como acordar as lideranças sobre a necessidade que nosso professores precisam e gostam de se aprimorar e que dançar é um ótimo instrumento de desenvolvimento social em todos os sentidos.
De novo a rede de contatos s entrou em funcionamento e a prefeitura de Santa Cruz das Palmeiras aceitou este desafio

O departamento de educação sob a competente liderança da senhora Vera Lúcia Picolo Ccicarello, que mesmo no período de férias, conseguiu mobilizar todos e organizar em tempo recorde este evento, inclusive a aprovação da verba, o que deixou todos muito felizes.

Chegamos cedo em Santa Cruz das Palmeiras, cheios de expectativas, assim como também estavam os professores, um olhando para o outro e tentando adivinhar o que ia acontecer!

As 8:10 começamos a dançar com a dança Unwege que é uma dança meditativa para tentar por todo mundo em harmonia, mas logo ali já acontecia o primeiro imprevisto: quem disse que todos queriam entrar na dança ou em harmonia? Pronto, eu comecei a descobrir que tinha uma certa diferença entre minha expectativa e sonho e o grupo, ou seja, eu que já estava sonhando faz tempo sobre as possibilidades de dançar com todos os professores e ver aplicados as danças no dia a dia escolar e os próprios professores da qual a grande maioria jamais ouviu falar de danças circulares, ou danças de roda, e que nunca haviam pensado sobre a possibilidade de usar danças na escola ou nas aulas. Mas nada melhor do que um susto inicial e um belo diálogo e logo todos estavam dançando e entrando em harmonia.

O repertório eram danças voltadas para o desenvolvimento pessoal de cada participante como também 10 danças que podem ser usados no pré ou até a 4ª série. Ficamos dançando até as 12:00hs e todos foram para casa bem cansados, mas também contente e feliz.

No outro dia as 8:00hs todos estavam presentes de novo e mais uma vez começamos com a dança Unwege, mas esta vez saiu muito lindo, eu fiquei muito feliz de perceber como todo mundo caprichou, entraram realmente na dança- lindo!

Com este começo tão caprichado, não podia ser diferente: foi uma manha muito proveitosa, com muita alegria e descontração aprendemos danças e dançamos todos juntos.

No final fizemos uma avaliação ou colheita dos participantes, e durante estes depoimentos ficou claro que para a grande maioria foi um encontro marcante que abriu muito as perspectivas e horizontes. Nós terminamos o encontro com a dança “Te ofereço Paz” e foi emocionante como todos participaram de corpo e alma, e se abraçaram depois! Como é bom receber o calor humano! Como é bom compartilhar as riquezas de cada um, estar juntos, abraçando todos o mesmo objetivo que a paz, a amizade e o reconhecimento. Nós sentimos que trabalhando juntos podemos mudar o nosso mundo.

Para completar a imagem queremos dizer que na parte da tarde houve um outro grupo, durante a manha eram cerca de 70 professores, e a tarde cerca de 50 professores. Com a experiência da manha e um grupo um pouco menor, a tarde começou muito bem e terminou melhor ainda!

Foram 2 dias cansativos, mas muito gratificante!

Queremos muito agradecer a prefeitura municipal de Santa Cruz das Palmeiras por esta oportunidade, por esta abertura, por aprovar iniciativas novas, por investir em formação dos seus profissionais de ensino, mas principalmente a Senhora Vera Lúcia Picolo Ccicareli e sua equipe que realizaram este sonho para nós.

E mais um abraço especial para a Senhora Vera: Vera, você é uma pessoa especial, uma grande mulher- Obrigado! E VALEU!!!

Um desafio para a Hilária Troupe!

No dia 31 de Janeiro o Petrus passou uma manha em treinamento com a equipe da Hilária Troupe. As pessoas que ali estavam, eram em sua maioria atores, que atuam em pequenos grupos em treinamentos, palestras, etc em empresas.

De tempos em tempos este grupo se reúne para troca de experiências e treinamentos entre eles. Ficamos muito felizes que a Dança Viva Foi convidado para dar uma manha de treinamento, onde os participantes eram constantemente desafiados com danças elaboradas, ritmos variados, e danças que exigem muito da coordenação motora e corpo-mente!

Foi uma manhão muito proveitosa, alegre e inspirante, onde todos puderam dançar, se reunir, e superar desafios!

Um abraço