FORÇA DA CURA TRAVÉS DAS DANÇAS CIRCULARES – VIVÊNCIA COM JOYCE DIJKSTRA

Joyce Dijkstra (6)
O Instituto Dança Viva tem como lema, “Curar, harmonizar e alegrar o mundo através das Danças Circulares”. Neste ultimo final de semana realizou uma vivência muito especial. A convidada holandesa Joyce Dijkstra , que hoje mora na Itália, estudou medicina natural na Alemanha, Heilpraktiker, traduzindo ao pé da letra, “ pratica cura”, e é também especialista em danças terapêuticas e pedagógicas.

O que isso significa: Joyce pratica a cura através de vivência com danças. Não é a primeira vez que Joyce vem ao Brasil. Ela já tem realizado seu trabalho aqui , neste pais há mais de 20 anos, nas cidades de São Paulo, Joinvile, Curitiba , Rio de Janeiro, entre outros.

As pessoas que participaram desta vivência vieram de toda a região, e também de Holambra, assim como pessoas com muita e sem experiência em danças . Pessoas com formações e profissões diversas, assim como terapeutas, terapeutas florais, psicólogos, com um olhar na no processo terapêutico em rodas e grupos de clinicas, hospitais, centros de apoio , etc

Iniciamos na sexta-feira a noite, com apresentações e danças suaves, sábado um dia de muita reflexão, meditação e consciência, para no Domingo finalizar com a possibilidade do NOVO.

Sem sombra de dúvida, todos saíram desta vivência tocados pela suavidade e pela força de cura que as danças podem ter e trazer para cada um. E tocados pela forma de condução suave e curadora de Joyce .

Registrando aqui também a presença de Patricia Azarian. Focalizadora de Danças Circulares, há mais de 25 anos, e tradutora da Vivência. Patricia tem um trabalho muito bonito de divulgar e enraizar as danças circulares no Brasil, em especial no Rio de Janeiro. Hoje, em Nova Friburgo, um pouco afastada das rodas, ela tem quer alimentar as rodas cantadas e dançadas . Patricia tem um grande carinho e admiração pelo trabalho de Joyce e justificando a escolha dela para a tradução.
Joyce Dijkstra (7)

Palavras da Lize:
“Joyce Dijkstra é uma pessoa sensível, perfeccionista, corajosa que tem como missão curar as pessoas com a danças. Parece Difícil? Pode ser, mas a maneira que ela traz e conduz a este momento, todos conseguem dançar e perceber as qualidade salutar da dança.”

“O Instituto Danças Viva tem recebido retornos positivos, pela qualidade da organização. Isto somente é possível pela bela equipe que temos aqui! Trabalho, trabalho voluntário, experiência, disponibilidade de tempo e de qualidades antes e durante a Vivência. Com certeza esta qualidade de trabalhar junto , pensar em equipe, em comunidade faz com que possamos ir longe.”

Joyce Dijkstra (16)

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>